• Facebook
  • Instagram
  • Youtube
  • Segunda a Sexta, das 8h às 19h

  • (12) 3028.6003 / 3028.6004

  • Av. São João, 2375, Cj.1601 - Jd Colinas - Ed. Helbor Offices

Blog lattere

Saúde do Homem e Paternidade

Saúde do Homem e Paternidade

O papel do homem na sociedade em boa parte da evolução humana foi direcionado a adquirir alimentos, combater ameaças e se reproduzir para geração de descendentes férteis, visando a manutenção da espécie. Embora muita coisa tenha mudado de tempos pré-históricos pra cá, alguns hábitos permaneceram, seja pelo próprio instinto, seja por estereótipos que fixam o homem como sendo essencialmente provedor material da família.

Isto se reflete em muitos aspectos da vida, como por exemplo o autocuidado e a saude. Por vezes o urologista é o primeiro médico que o homem se consulta por volta dos 40 – 50 anos de idade, e é nessa consulta que acaba relatando diversos questionamentos que estavam “entalados” na garganta, procupações que tiram noites de sono, mas que são deixadas pra lá!

Dentre os muitos atendimentos que fazemos, por vezes chegam casais tentando ter sua primeira gestação. Na maioria das vezes a mulher já foi avaliada e reavaliada por diversos profissionais, enquanto o homem sequer passou por uma consulta, afinal, após toda relação há liberação de esperma, porque se preocupar? Após inúmeros pedidos, feitos pela cônjuge ou por familiares, lá aparece ele para ser avaliado.

Num primeiro momento, acanhado, não sabe muito bem o motivo de estar ali, é um ambiente diferente em que a atenção está voltada somente a ele. Mas a paternidade começa antes mesmo da concepção, sendo que para uma gestação acontecer o casal deve estar em condições que permitam o encontro das células reprodutoras e o desenvolvimento do embrião. Nesse contexto, uma série de alterações podem ser encontradas no sistema reprodutor masculino, que dificultam esse processo. O diagnóstico e o tratamento corretos permitem conseguir a gestação em tempo menor, evitando gastos desnecessários com tratamentos ineficazes e estresse no relacionamento.

Preocupar-se com o início da gestação e seu desenvolvimento já é preocupar-se com a paternidade. Estar em boas condições de saúde garante além da gestação, o envolvimento do casal, que será importante não somente durante a gravidez, mas também após o parto. Entre outros pontos positivos, a participação do pai aumenta a probabilidade de amamentação durante o primeiro ano, melhora o desempenho escolar e as taxas de delinquência, tendo impacto positivo para o desenvolvimento das crianças.

Como forma de mudar a atual percepção de saúde algumas campanhas foram criadas, como a avaliação da próstata, que visa a detecção precoce do câncer neste órgão, fazendo desse atendimento muitas vezes a porta de entrada para o sistema de saúde. Ainda mais abrangente, a Politica Nacional de Atenção Integral a Saúde do Homem (PNAISH), foi criada para ampliar o acesso a saúde, estabelecendo direitos dos homens e criando alternativas para o fácil acesso ao sistema de saúde.

Conquistas foram obtidas ao longo dos anos, como o direito a licença a paternidade por 5 dias, adquirido com a constituição de 1988 em seu artigo 7°, sendo ampliado para mais 15 dias com a Lei n°13.257, de 8 de março de 2016, direcionado a funcionários de empresas cidadãs.  Ainda sobre a PNAISH há o programa Pai Presente, que oferece o Pré-Natal do Parceiro, em que é oferecido atendimento médico ao homem, realizando exames de sangue de rotina, aferição de pressão arterial e testes rápidos para DST’s. Garante-se por lei aos funcionários registrados em CLT, o direito de acompanhar duas consultas médicas durante o período de gravidez, bem como acompanhar o filho ou filha em uma consulta médica por ano até os 6 anos de idade.  

Reconhecendo que ainda não chegamos onde queremos e que ainda temos muito a caminhar, há também que se reconhecer uma maior participação masculina no sistema de saúde. Com a facilitação do acesso, divulgação por meio de campanhas e estabelecimento de leis que respaldem o cuidado com a saúde, um maior número de homens tenderão a procurar o consultório médico afim de poderem viver mais e com maior qualidade de vida. A participação e noção de responsabilidade antes, durante e após a gestação aos poucos auxiliam na constituição do lar e criação dos filhos que hão de vir.


Voltar

Setembro Verde

Setembro é o mês de conscientização sobre o câncer de intestino ou colorretal.   A campanha SETEMBRO VERDE, promovida pela Sociedade Brasileira de Coloproctologia (SBCP), busca informar a população sobre a importância de realizar ações preventivas contra essa doença, já é o segundo câncer mais ...

Saiba mais

Maio Roxo - Mês da Doença Inflamatória intestinal.

Dia 19 de maio é o dia mundial da doença inflamatória  intestinal ( DII)  e por isso durante esse mês acontece a campanha Maio Roxo com o objetivo de conscientizar a população sobre a DII . Doença de Crohn e retocolite ulcerativa são as DIIs mais comuns e os sintomas apresentados podem ser dor abdominal, alteração ...

Saiba mais

Gastrite, o que é e como se prevenir ?

A gastrite é infecção ou inflamação da mucosa que protege o estômago, os sintomas normalmente são a dor ou a queimação. De acordo com a Federação Brasileira de Gastroenterologia (FBG), aproximadamente 70% da população brasileira apresenta sintomas ligados ao mau funcionamento do sistema ...

Saiba mais

Cirurgia minimamente invasiva na urologia

Os avanços de tecnologia tem alcançado a medicina, e uma das áreas que mais tem avançado neste sentido é a cirurgias minimamente invasivas. São atraentes pelo seus diversos benefícios como utilizar de pequenos cortes e em alguns casos até mesmo sem corte.   A urologia é uma das especialidades que mais avançaram ao ...

Saiba mais